• Dicas,  Família

    Minha participação na Revista Encontro

    Fui chamada para falar sobre o universo da maternidade   A Revista Encontro publicou uma matéria muito interessante com o título: Profissão Mãe. Conta histórias de mães que decidiram abrir mão de suas carreiras para se dedicarem, integralmente, para os filhos. Como psicóloga, fui convidada  para falar das dúvidas que permeiam esse universo da maternidade que é tão intenso e único na vida de uma mulher.   Como muitas mães ficam na dúvida se estão adiando seus sonhos por conta da maternidade, falei na matéria que não adianta seguir com a vida profissional adiante e estar com a cabeça completamente em casa. As atividades provavelmente não serão bem desempenhadas em…

  • Dicas,  Dicas,  Família

    Minha participação na Revista Encontro

    Fui chamada para falar sobre o universo da maternidade   A Revista Encontro publicou uma matéria muito interessante com o título: Profissão Mãe. Conta histórias de mães que decidiram abrir mão de suas carreiras para se dedicarem, integralmente, para os filhos. Como psicóloga, fui convidada  para falar das dúvidas que permeiam esse universo da maternidade que é tão intenso e único na vida de uma mulher.   Como muitas mães ficam na dúvida se estão adiando seus sonhos por conta da maternidade, falei na matéria que não adianta seguir com a vida profissional adiante e estar com a cabeça completamente em casa. As atividades provavelmente não serão bem desempenhadas em…

  • Dicas,  Família

    Amor de mãe ajuda o cérebro do filho a se desenvolver mais

    Pesquisa comprova que essas crianças também lidam melhor com a vida adulta  E o amor vem e nos surpreende novamente. Digo isso porque li uma pesquisa norte-americana que constatou que o amor de mãe na infância ajuda o cérebro do filho a se desenvolver mais.  A autora do estudo foi a psiquiatra infantil Joan Lubry, da Faculdade de Medicina da Universidade de Washington, que comprovou que crianças que têm mais afeto e apoio emocional na infância têm uma importante área do cérebro que cresce duas vezes mais rápido do que as que crescem sem esse afeto. Isso só prova o que vemos em consultórios há anos. O afeto é, com…

  • Dicas,  Família,  Família

    Amor de mãe ajuda o cérebro do filho a se desenvolver mais

    Pesquisa comprova que essas crianças também lidam melhor com a vida adulta  E o amor vem e nos surpreende novamente. Digo isso porque li uma pesquisa norte-americana que constatou que o amor de mãe na infância ajuda o cérebro do filho a se desenvolver mais.  A autora do estudo foi a psiquiatra infantil Joan Lubry, da Faculdade de Medicina da Universidade de Washington, que comprovou que crianças que têm mais afeto e apoio emocional na infância têm uma importante área do cérebro que cresce duas vezes mais rápido do que as que crescem sem esse afeto. Isso só prova o que vemos em consultórios há anos. O afeto é, com…